NOTÍCIAS

| 16.07.21 - 12h04

João Campos destaca importância da Nossa Senhora do Carmo para o Recife

img_alt

Nesta sexta (16), Dia da Padroeira, prefeito ressaltou a ligação do recifense com a santa e o valor da Basílica para a cidade. (Foto: Rodolfo Loepert/PCR)

 

Por mais um ano, a celebração à Nossa Senhora do Carmo, padroeira do Recife, precisou ser atípica e contida por causa das restrições impostas pela pandemia da covid-19. Mas com esperança e fé em dias melhores, a festa deste ano já marca o início da contagem regressiva para as comemorações dos 100 anos da Basílica de Nossa Senhora do Carmo, que serão celebrados em 2022. Nesta sexta-feira (16), dia da padroeira, o prefeito João Campos reafirmou a fé e exaltou toda importância da Santa para a cidade.

 

“Nossa Senhora do Carmo representa a esperança de dias melhores para nós. O recifense é um povo de muita fé e tem uma ligação muito forte com a padroeira. Hoje, dia em que celebramos a Santa, é um momento de reflexão, agradecimento e de pedir para que as coisas melhorem em todo o mundo”, destacou João Campos. “Mesmo com todas as restrições impostas pela pandemia, a Prefeitura participa da festa, dando todo apoio e suporte à celebração da nossa padroeira. E, no próximo ano, a gente vai comemorar o centenário da Basílica, que é muito importante e queremos fazer uma das maiores festas da cidade”, acrescentou.

 

Construída em 1767, a Igreja de Nossa Senhora do Carmo foi elevada à categoria de Basílica, pelo Vaticano, em 1922. Com o propósito de valorizar esse conjunto arquitetônico religioso, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), o prefeito João Campos almeja destacar a Basílica. “A gente ficou com o compromisso, ao longo deste próximo ano, de desenhar e fazer a instalação de toda a iluminação cênica da fachada da Basílica do Carmo, que é um grande patrimônio da nossa cidade, inclusive tombado pelo Iphan. A gente vai construir isso conjuntamente, um trabalho de valorização da nossa cultura, da nossa fé, da nossa religião. Isso é importante para a cidade, importante para a valorização cada vez mais do nosso Recife”, finalizou o gestor.

 

Com o tema “Mãe do Carmelo, contigo e Teu Esposo, subimos à Casa do Senhor!”, as comemorações da 325º Festa de Nossa Senhora do Carmo têm ocorrido com ampla cobertura online. Os eventos digitais durante a festa têm sido importantes para custear alguns programas sociais desenvolvidos pelos carmelitas, além de ajudar a propagar a evangelização. Os atos litúrgicos e live eventos com show da Basílica do Carmo estão sendo transmitidos pelo canal do Youtube e Facebook TV Carmelo Pernambuco. Às 9h desta sexta-feira (16), houve uma live com transmissão nacional simultânea pela Rede Vida, presidida pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Antônio Fernando Saburido.

 

Este ano, devido à pandemia, estão sendo realizadas missas simultâneas de hora em hora dentro da Basílica do Carmo, no claustro (espaço aberto na área interna da Basílica) e na Igreja de Santa Tereza D’Ávila da Ordem Terceira do Carmo, situada ao lado da Basílica, no Complexo dos Carmelitas. Nesta sexta-feira (16), as missas ocorrem das 4h às 18h. Às 14h, a imagem de Nossa Senhora do Carmo vai sair em carro aberto pelas ruas da cidade, passando por bairros como Boa Viagem e Beberibe, uma peregrinação de 40 km.

 

 

“Nós só temos que agradecer a dedicação do prefeito, o carinho e a sensibilidade que ele tem com a realidade das pessoas. Aqui na Basílica foi preparado uma estrutura para que os devotos pudessem ter acesso a todos os espaços de celebração. Isso é algo marcante na festa do Carmo, onde as pessoas estão agradecendo a todo instante esse trabalho que não é somente nosso, mas juntos: Igreja e Prefeitura. Sem a organização que a Prefeitura apoiou, ficaria impossível a gente acolher mais número de devotos, com todo distanciamento, com todo cuidado, uso de álcool e máscaras para a não proliferação do vírus”, declarou o reitor da Basílica do Carmo, Frei Rosenildo Alexandre.