Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos

NOTÍCIAS

Direitos Humanos | 03.02.16 - 17h32

Nota sobre incêndio na comunidade Santa Luzia

Confira o balanço atualizado dia 4/2/2016, às 18h00

Atualizado dia 3/2/2016, às 17h30

A Prefeitura do Recife informa que, diante do incêndio ocorrido na manhã desta quarta-feira (3) na Vila Santa Luzia, bairro da Torre, encaminhou equipes de diversas secretarias e órgãos da gestão municipal para dar assistência aos moradores da comunidade. Ao todo, 215 servidores do SAMU, Defesa Civil, Guarda Municipal, Assistência Social, CTTU, e das secretarias de Saúde, Governo e Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, foram enviados para o local de imediato.

Pouco mais de uma hora após o incêndio, a Defesa Civil e a Assistência Social já realizavam o cadastro dos moradores que tiveram as residências atingidas pelas chamas. Nesta quinta-feira (4) será realizado um mutirão para retirada da 2ª via de documentos (RG, certidão de nascimento e de casamento).O abrigo municipal Travessa do Gusmão está à disposição dos moradores que não tiverem para onde ir esta noite. No início da tarde foram servidos mil lanches para os moradores da área atingida pelo fogo e hoje à noite será servido jantar.

DEFESA CIVIL - A Secretaria Executiva de Defesa Civil do Recife coordenou o trabalho de assistência emergencial às vítimas do incêndio. Ao todo, um efetivo de 120 pessoas participaram do trabalho, que começou com o cadastramento das famílias cujas casas foram atingidas pelo incêndio. Os dados coletados após o acidente serão cruzados com o cadastro social da Secretaria de Saneamento do Recife, para garantir que as famílias atingidas pelo incêndio sejam contempladas.

ASSISTÊNCIA SOCIAL - A Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Recife está prestando toda a assistência necessária às famílias vítimas do incêndio na comunidade Santa Luzia. O atendimento emergencial com 30 servidores incluiu alimentação - um lanche foi servido para mais de mil pessoas e à noite será servido jantar. Além do cadastramento das famílias que perderam suas casas.  Nesta quinta-feira (4), será realizado um mutirão para retirada da 2ª via de documentos (RG, certidão de nascimento e de casamento). O abrigo Travessa do Gusmão foi disponibilizado para quem não for para casa de parentes ou amigos. O Instituto de Assistência Social e Cidadania (IASC) também está responsável por organizar as doações, direcionando para o próprio Caic, por ter voluntários da comunidade para separar os donativos e ser mais rápido no repasse aos que precisam.

SAÚDE - O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192)  enviou três ambulâncias e seis motolâncias para o local do incêndio. Duas vítimas sem gravidade foram atendidas no local, mas não houve necessidade de remoção. A gerência do Distrito Sanitário IV ficou de prontidão com a equipe de Saúde da Família da Unidade Emocy Krause. A Secretaria de Saúde e SAMU 192 atenderam o chamado com 25 pessoas, entre elas o secretário Jaílson Correia e o coordenador-geral do SAMU 192, Leonardo Gomes.

GUARDA MUNICIPAL - A Guarda Municipal do Recife está com 30 homens na comunidade Vila Santa Luzia, na Torre. Destes, 20 são do Grupamento Tático Operacional (GTO) e 10 das patrulhas e motopatrulhas da instituição. Logo que chegaram ao local, os agentes socorreram moradores e os ajudaram na retirada de pertences. Os agentes também auxiliaram os Bombeiros no combate ao fogo e na quebra de muros e paredes para a retirada das pessoas. Pela tarde, a Guarda Municipal do Recife organizou a fila de cadastramento, em parceria com a equipe da Assistência Social da Prefeitura.

CTTU - Para facilitar a entrada e saída de viaturas e a circulação de veículos na região onde ocorreu o acidente, a Companhia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) enviou para o local quatro agentes em duas viaturas e seis orientadores de trânsito.