Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos

NOTÍCIAS

Assistência Social | 10.11.21 - 11h48

Prefeitura do Recife abre canal para tirar dúvidas sobre o CadÚnico

As informações sobre o CadÚnico com os detalhes sobre quem deve ou não procurar os pontos de atendimento para atualização de dados estão disponíveis no endereço Atualiza CadÚnico

 

A partir de hoje (10.11) a população recifense passa a contar com um canal exclusivamente dedicado a tirar dúvidas sobre o Cadastro Único (CadÚnico) - Atualiza CadÚnico. A iniciativa da Prefeitura do Recife tem por objetivo auxiliar a população a esclarecer dúvidas sobre o CadÚnico a partir de algumas mudanças anunciadas pelo Governo Federal. O Atualiza CadÚnico faz parte de uma série de iniciativas que contemplam, também, ações locais de comunicação para reforçar que a ida aos postos de atendimento, quer seja na Central do CadÚnico ou nos 14 Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), só deverá acontecer em caso da necessidade de atualização cadastral. 

“Há alguns dias o governo federal anunciou a substituição do Programa Bolsa Família pelo Programa Auxílio Brasil. Como os detalhes ainda não foram anunciados, os beneficiários, por receio de perder a renda mensal, vem procurando de maneira intensa por nosso atendimento, uma vez que o cadastro dessas famílias é realizado pelos municípios. Esse aumento de demanda não era esperado e nos coloca numa situação que envolve, sobretudo, munir essa população de informações sobre a necessidade ou não de atendimento”, explica Ana Rita Suassuna, secretária de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos. “Além das informações que estão no Conecta Recife, teremos carro de som e moto som nas comunidades reforçando que quem precisa e quem não precisa procurar um dos nossos pontos de atendimento para atualização de cadastro”, completa. 

No Recife, para realizar a inscrição ou atualização do CadÚnico, a população pode se dirigir tanto à Central do Cadastro Único, quanto às 14 unidades do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) existentes na cidade. A Central do Cadastro Único, que fica na Rua do Imperador, funciona das 7h às 15h. Já o atendimento do Cadastro Único nos CRAS funciona das 8h às 16h. Todos os equipamentos funcionam de segunda a sexta-feira, com exceção dos CRAS que funcionam dentro das quatro unidades do Compaz, de terça a sexta-feira.  Confira neste link os endereços dos 14 CRAS existentes no Recife e os respectivos bairros atendidos. 

Ainda na segunda-feira (08.11), por meio da Secretaria Executiva de Assistência Social, foi aumentado o número de atendimentos na Central do CadÚnico, saindo de 200 para 300 atendimentos diários. A Guarda Municipal também tem sido parceira ajudando na orientação da fila e inibindo os casos de venda de fichas denunciadas pela própria população. Também na Central, que reúne o maior número de pessoas, na manhã desta quarta-feira (10.11), foi providenciado toldos para proteção dos beneficiários que aguardam atendimento, álcool gel 70% e pessoal para tirar dúvidas. Já nos CRAS são realizados, em média, 60 atendimentos por dia respeitando a capacidade do espaço de cada um deles. 

Sobre o CadÚnico e atualização cadastral - A porta de entrada para ter acesso a qualquer programa social do Governo Federal é ser inscrito no CadÚnico. Para tanto, a atualização cadastral só deve ser realizada a cada dois anos. Outro fator que pode gerar a necessidade de atualizar os dados no sistema é no caso de mudança na formação do núcleo familiar inscrito, de endereço ou de renda. Para acompanhar os detalhes cadastrais, os beneficiários devem acessar o site ou o aplicativo do Governo Federal: meucadunico.cidadania.gov.br.

Sobre o Programa Auxílio Brasil - Assim como os demais programas de assistência social vinculados ao CadÚnico, o Programa Auxílio Brasil também é um benefício do Governo Federal. De acordo com o que já foi divulgado pelo Governo Federal, o programa Auxílio Brasil pretende dar continuidade do benefício às famílias que já eram contempladas pelo Bolsa Família. Entretanto, ainda não há informação se a família que não recebe o benefício do Bolsa Família conseguirá ser contemplada pelo Auxílio Brasil, pois não há detalhes sobre quais critérios as novas famílias precisarão atender.

Site Atualiza CadÚnico - https://conectarecife.recife.pe.gov.br/caduni