Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos

NOTÍCIAS

Direitos Humanos | 20.02.24 - 10h26

Prefeitura do Recife realiza últimos ajustes para entrega do Compaz Ibura

img_alt

Com um investimento de R$ 10,8 milhões, o novo equipamento vai atender, mensalmente, cerca de 20 mil pessoas. Na semana passada, a Rede Compaz foi premiada com o mais alto prêmio de política pública da ONU. (Foto: Edson Holanda/PCR)

 

Prevenção à violência, inclusão social e o fortalecimento comunitário são os principais objetivos da rede de Centros Comunitários da Paz (Compaz), que, na semana passada, foi reconhecido com o Prêmio de Serviço Público das Nações Unidas, destacando-se como iniciativa exemplar que melhor contempla os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e excelência no serviço público. Nas próximas semanas, a população do Ibura será beneficiada com um novo equipamento: o Compaz Paulo Freire, localizado na UR-01. As obras já foram finalizadas pela Prefeitura do Recife, que agora realiza os últimos ajustes para a abertura da quinta fábrica da cidadania da cidade. Nesta terça-feira (20), o prefeito João Campos visitou a estrutura logo no início da manhã, conferindo de perto os trabalhos para inauguração do equipamento. 

“O Recife recebeu o mais alto prêmio de política pública do mundo da Organização das Nações Unidas, dado à rede do Compaz. E, neste 20 de fevereiro, Dia Mundial da Justiça Social, estou aqui no Compaz Paulo Freire, o próximo a ser inaugurado, podendo trazer esse prêmio para o coração da rede Compaz e mostrar como é importante fazer política pública bem intencionada, com escuta da população e, sobretudo, com capacidade de transformar a vida das pessoas”, declarou João Campos na ocasião. 

Com um investimento de R$ 10,8 milhões, a expectativa é que o Compaz Paulo Freire atenda, mensalmente, cerca de 20 mil pessoas. O equipamento, que tem 3.326 m² de área construída,  vai contar com serviços prioritários de atendimento básico, como Procon, Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Central de CadÚnico, Junta Militar e Atendimento à Mulher. 

Além disso, o equipamento vai proporcionar projetos para fortalecer o aspecto social e também pedagógico, voltados para a cidadania e construção de uma cultura de paz e não violência, através de salas de estudos no contraturno escolar, Unidades de Tecnologia na Educação e Cidadania (UTEC), espaço para a primeira infância, bebeteca (espaço de apoio ao desenvolvimento especialmente voltado para bebês), atividades esportivas e culturais, danças, artes e multidisciplinares, auditório e mirante.

COMPAZ - O Compaz (Centro Comunitário da Paz) é a principal iniciativa no campo da segurança cidadã do Recife nas últimas décadas. Trata-se de um centro de convivência com proposta político-pedagógica ancorada na cultura de paz como instrumento para prevenir a violência e propor outras sociabilidades. 

Tem como fundamento o urbanismo social, o qual demanda a integração das políticas públicas que atuam sobre o território e incluem planos e ações integradas em infraestrutura e mobilidade urbana, serviços e equipamentos públicos sociais, além de habitação social. Inspirado nas Bibliotecas Parques da Colômbia, o Compaz propõe uma nova forma de presença do poder público nas comunidades recifenses, reunindo atividades inspiradas em diversos equipamentos criados no país vizinho: Biblioteca Viva, Cultura Cidadã, Serviços de Interesse Social, Cursos de Capacitação, Mediação de Conflitos, Atividades Esportivas e Atividades Culturais, entre outros.

PRÊMIO DA ONU - Na última sexta-feira (16), a Prefeitura do Recife recebeu o mais alto prêmio de política pública da ONU - Prêmio de Serviço Público das Nações Unidas. A premiação foi relativa ao Compaz, escolhido como iniciativa que melhor contempla os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e excelência no serviço público.

Este equipamento da Prefeitura se enquadra nos requisitos da Agenda 2030 da ONU,  plano de ação global das Nações Unidas que reúne 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e 169 metas, criados para erradicar a pobreza e promover vida digna a todos, dentro das condições que o nosso planeta oferece e sem comprometer a qualidade de vida das próximas gerações.

ASSUNTOS: