Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos

NOTÍCIAS

Direitos Humanos | 01.10.18 - 01h07

Mais de 500 pessoas assistem a palestras em comemoração ao Dia da Pessoa Idosa

img_alt

programação organizada pela PCR e Católica continua na próxima segunda, quando acontece uma feira com serviços de beleza, saúde, atividades aeróbicas, exposições, oficinas e atividades culturais. (Foto: Daniel Tavares/PCR)

 

Mais de 500 pessoas idosas do Recife e Região Metropolitana participaram, nesta sexta-feira (28), do primeiro dia da programação que marca o Dia Internacional da Pessoa Idosa, celebrado na próxima segunda-feira (1°). A Prefeitura do Recife, a Universidade Católica de Pernambuco e o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Comdir) promoveram uma série de palestras e um cine debate nesta sexta, na Católica, na Boa Vista.

A programação encabeçada pela Gerência da Pessoa Idosa da Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos do Recife (SDSJPDDH), junto com a coordenação do curso de Gerontologia da Católica, ainda terá uma feira com serviços de beleza, saúde, jogos, atividades aeróbicas, exposições, artesanatos, oficinas e atividades culturais na manhã da segunda.

Nesta sextaforam realizadas palestras sobre diversas questões ligadas ao envelhecimento, garantia de direitos, saúde mental e espiritualidade no evento “Vivas para velhice”, no primeiro andar do bloco G da Católica, no auditório G1. O geriatra Marcelo Cabral, presidente da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia de Pernambuco, falou sobre “Viver a velhice com maissaúde”, enquanto o terapeuta ocupacional Antônio Rodrigues falou mais especificamente sobre a importância de cuidar da saúde mental. 

Alguns fatores do estilo de vida contribuem para aumentar o risco de desenvolver demência, como problemas de audição que levam ao isolamento social, assim como a inatividade física e mental. Quando passamos a interagir menos, vamos usando menos a cabeça, a memória vai trabalhando pouco e a máquina parada termina enferrujando. Por isso temos que buscar ler, estudar, pintar, jogar e fazer exercícios”, orientou o terapeuta ocupacional Antônio Rodrigues.

Em seguida, a promotora de Justiça Luciana Dantas abordou o tema “Viver a velhice com mais garantia e direitos”; a mestra em Ciência da Religião Linda Mey falou sobre “Viver a velhice com mais espiritualidade” e a especialista em Gerontologia Juracy Gutierrez encerrou a programação da manhã falando sobre “Viver a velhice e aproveitar mais a vida”.

À tarde, foi exibido o filme “Alguém tem que ceder”, seguido de debate e corte do bolo “Vivas para Velhice”. De acordo com Cacilda Medeiros, gerente da Pessoa Idosa do Recife, o evento contribuiu para o empoderamento das pessoas idosas. “Hoje tivemos um importante momento de reflexão e formação, com orientações sobre a importância de cuidar da saúde física e mental, do lado espiritual e de se inteirar sobre seus direitos para buscar a autonomia e a independência”, avaliou a gestora.

Coordenadora do curso de Gerontologia da Católica e vice-presidente da seccional Pernambuco da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia, a professora e psicóloga Cirlene Francisca Sales da Silva também destacou os aprendizados proporcionados pelas discussões desta sexta. “A Católica e a Prefeitura do Recife estão trabalhando juntas para melhorar a qualidade de vida da pessoa idosa, para que elas possam, a partir do que oferecemos de atividades e reflexões, aprender a ser mais felizes e saudáveis. Visamos a melhoria biopsicossocial e cultural do idoso”, disse a docente.

A aposentada Elisabete Florentina da Silva, 60 anos, participou de uma apresentação musical junto com outros idosos do grupo de convivência Idoso Mais do que Feliz, de Ipojuca. Ela destacou a importância da interação social para as pessoas idosas. “Fiquei viúva há seis anos, tive depressão e só queria ficar deitada no sofá até que entrei no grupo de convivência de idosos. Essa interação com outros pares mudou toda a minha vida. Voltei a costurar, cozinhar, confeitar bolo. Hoje minha vida está ótima”, comemorou a caçula do grupo.

 

PROGRAMAÇÃO – Na segunda-feira, a PCR e a Católica vão celebrar o Dia Internacional da Pessoa Idosa com a Feira de Cidadania e Serviços da Pessoa Idosa, no hall do bloco A da Universidade Católica, das 8h30 às 12h30. Com o objetivo de proporcionar lazer, bem estar, entretenimento e cuidados para o segmento, na perspectiva do fortalecimento da autoestima e empoderamento dessas pessoas como sujeitos de direitos, as duas instituições mobilizaram outros parceiros públicos e privados para oferecer serviços de beleza, saúde, jogos, atividades aeróbicas, exposições, artesanatos, oficinas e atividades culturais.

Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos do Recife (SDSJPDDH) vai estar presente no mutirão com ações para emissão de segunda via de certidões de nascimento, casamento e óbito. Para tirar a certidão, se possível, o interessado deve levar uma xérox do documento ou pelo menos saber o cartório em que a certidão foi emitida. 

Já a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) disponibilizará o serviço de emissão de credencial de estacionamento especial para idosos. Para obter a credencial, os cidadãos recifenses precisam estar munidos de comprovante de residência, identidade e CPF (ou CNH válida). A credencial tem validade de dois anos para pessoas maiores de 60 anos.

As pessoas idosas que comparecerem à feira também poderão se inscrever na lista de espera dos cursos de tecnologia voltados exclusivamente aos idosoatravés do Projeto Navegar é Preciso. A SDSJPDDH e a Secretaria de Educação do Recife disponibilizam turmas de noções básicas de informática, que são divididas em três módulos: internet e redes sociais; edição de texto e apresentação, e planilhas eletrônicas.

Profissionais da Secretaria Municipal de Saúde vão aferir a pressão arterial, fazer testes de glicemia e de Índice de Massa Corporal (IMC), testagem rápida de HIV, sífilis e hepatite B e C, assim como distribuirão kits de saúde bucal e darão orientações. O mamógrafo móvel também estará na Católica para realização de exames nas mulheres. Instituições parceiras da PCR e da Católica também disponibilizarão exame de audiometria, fisioterapia, orientações nutricionais, Tai chi chuan, entre outros.

Além de cuidar da saúde, os participantes poderão ainda cuidar da beleza com os maquiadores e manicures que estarão presentes. Haverá também oficinas de dança, turbante, musicoterapia, artesanato etc. A Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer do Recife levará ainda jogos de tabuleiro, atividades esportivas e oficina de zumba.