Secretaria de Segurança Urbana

NOTÍCIAS

Segurança Urbana | 23.08.19 - 16h57

Área verde do Compaz Ariano Suassuna vira cenário de contação de história para a criançada

img_alt

Ação da Biblioteca Carlos Percol, do equipamento da zona Oeste do Recife, distribuiu edição do livro “Ribe do Capibaribe” para cada participante (Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR)

 

A sombra da árvore foi abrigo e cenário para as artes-educadoras colocarem a criançada para escutar história e fazer atividades lúdicas nesta sexta (23), no Compaz Ariano Suassuna. O Piquenique Literário é uma das ações promovidas pela Biblioteca Carlos Percol no final de cada mês, com contação de história ao ar livre. No final da atividade, cada participante ganhou um exemplar do livro “Ribe do Capibaribe”, publicação com histórias em quadrinhos e atividades, tendo como personagem principal uma simpática capivara, o Ribe, que junto com seus amigos, que vivem no principal curso de água do Recife, se aventuram pela cidade e aprendem sobre os cuidados com a natureza.

Rafael, 10 anos, gostou do momento da dança. Na dinâmica do desenho, fez junto com o amigo Ivson, 11 anos, e retrataram o cenário da atividade em detalhes. “A gente fez nuvem, sol, árvore, grama e vai escrever o nome do Compaz, imitando a placa que fica ali na frente”, apontou o participante mais velho para o letreiro que fica na frente do equipamento.

Já Bruna, 10 anos, destacou o que aprendeu na contação de história. “Nunca desistir dos sonhos e cuidar da natureza, não poluir os rios, nem jogar lixo e papeis sem ser na lixeira”, disse a estudante. Mas o Piquenique Literário também atraiu o público mais velho. Dona Severina de Castro trouxe a neta para conhecer a atividade e acabou ficando. “Gostei muito e acho importante ensinar coisas sobre a natureza, o respeito que temos que ter por ela”, disse a avó de Beatriz, que faz balé no equipamento.

“Essa atividade é aberta para todo mundo. É só chegar para participar. Inclusive, esse cantinho (debaixo da árvore) também pode ser usado para quem quiser fazer o seu próprio piquenique literário, ou seja, ler o seu livro”, ressaltou Carol Teodósio, uma das artes-educadoras que conduziram a dinâmica.  No final, o público também participou do “Pegue e Leve”, ação através da qual 100 livros foram disponibilizados para as pessoas pegarem e levarem de graça pra casa. A próxima edição do Piquenique Literário vai ser na última quinta-feira de setembro (26), às 15h30.

BIBLIOTECAS – A Biblioteca Jornalista Carlos Percol, dentro do Compaz Ariano Suassuna, faz parte da Rede de Bibliotecas pela Paz, composta por quatro espaços públicos municipais. Além dessa unidade, também fazem parte da Rede a Biblioteca Afrânio Godoy, do Compaz Eduardo Campos, e as Bibliotecas Populares de Afogados (Jornalista Ronildo Maia Leite) e a de Casa Amarela (Jornalista Alcides Lopes). As bibliotecas oferecem uma série de atividades, desde a primeira infância até a boa idade, dentro do conceito de bibliotecas vivas e dinâmicas.