Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade

NOTÍCIAS

Meio Ambiente | 27.08.19 - 15h45

Segundo dia da Mostra de Cinema Ambiental do Recife leva 400 pessoas para o Cinema São Luiz

Programação gratuita continua até o dia 31 de agosto em escola municipal, Econúcleo Jaqueira e no Cais do Imperador.

O Cinema São Luiz foi palco da 4ª edição da Mostra de Cinema Ambiental do Recife – MARÉ, na noite dessa segunda-feira (26). Mais de 400 pessoas estiveram no local para conferir a exibição de três curtas e um longa-metragem, dentre eles: a websérie Cidade Plástica, que teve sua estreia e abordou o consumo consciente do plástico, e o lançamento nacional do documentário Chão, dirigido pela carioca Camila Freitas sobre o cotidiano de um assentamento do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra em Goiás.

“Com as exibições da Mostra levamos orientação e influenciamos pessoas para também se tornarem ambientalistas. Se tivéssemos em cada cidadão, um ambientalista, gastaríamos muito menos com as políticas públicas. Desta forma, todos os dias promovemos incentivos, ações similares, debates e uma ação como esta da MARÉ irá aguçar a consciência daqueles que se preocupam com o planeta, com sua cidade, com seu bairro, com sua rua, com sua convivência diária com o meio ambiente, por isso o sucesso é garantido”, destacou o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Recife, José Neves Filho.

A programação, que também já passou pelo Jardim Botânico do Recife, continua até 31 de agosto com exibições gratuitas de 30 produções audiovisuais. A ação, apoiada pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, vai acontecer ainda no Econúcleo do Parque da Jaqueira, na Escola Municipal José da Costa Porto e no Cais do Imperador com objetivo de incentivar uma abordagem crítica sobre temáticas ambientais, mesclando história, cultura, sustentabilidade e cidadania.

As sessões dos dias 28 e 29 são uma grande novidade desta edição da MARÉ e poderão ser acessadas por 100 adesivos de QR Codes que estão espalhados em parques, bares e restaurantes, livrarias, universidades, paradas de ônibus, metrôs, academias, livrarias. Através da ativação dos códigos, a população terá acesso a exibição de curtas de até 5 minutos através de dispositivos mobile, como celular e tablet. 

O Econúcleo Jaqueira vai receber, na sexta-feira (30), a Sessão Parque, a partir das 19h, com exibição de cinco curtas ambientais, entre eles, Travessia, que retrata a história de Seu Mita e a relação com o rio Capibaribe. O encerramento da MARÉ, no dia 31, vai ocupar o Cais do Imperador, a partir das 18h30, com Sessão Ambiental baseada no tema Ecossistemas & Biodiversidade, seguido por caminhada com a EletroBike, projeto do VJ e DJ Mozart, que conta com uma bike adaptada com som e projeção, em direção ao Marco Zero, com  projeções de intervenções ambientais e música.

Confira a programação dos próximos dias da MARÉ 2019


28 e 29/08 - Redes Sociais

Sessão QR Code:  Cidades & Conflitos (11 filmes de até 5m)

1. A cena e a cana (PE, 2014, animação, cor, digital, 2’22’’), resultado da oficina de animação stop-motion da 4ª Mostra Canavial de Cinema, ministrada por Bruno Cabús e Paulo Leonardo

2. Andarilho (doc, PE, 2015, cor, HD, 5’08), de Jacaré Vídeo

3. Bike Gelo Baiano (doc, PE, 2015, cor, HD, 2’18), de Jacaré Vídeo

4. Ciclo Ativo (doc, PE, 2016, cor, HD, 6’), de Jacaré Vídeo

5. Dia de fúria (PE, 2015, documentário, cor, HD, 3’), de Jacaré Vídeo

6. Linear (SP, 2014, animação, cor, digital, 6’), de Amir Admoni

7. No caminho do bem (PE, 2015, documentário, cor, digital, 3’24’’), de Jacaré Vídeo

8. O fim dos carros (doc, PE, 2015, cor, HD, 3’40’’), de Jacaré Vídeo        

9. O paradoxo da espera do ônibus (fic, RJ, 2007, cor, digital, 3’), de Christian Caselli

10. Poesia Animada (fic, PE, 2014, cor, HD,3’13’’), resultado da oficina de stop-motion da 1ª Mostra Cinema na Mata, ministrada por Quiá Rodrigues e Gabi Saegesser

11. Vrruummm!! (fic, SP, 2003, cor, 5’), de Paula Dager

 

30/08 – Econúcleo Jaqueira

17h - Atividade de Bem-estar: Yoga e Meditação

Instrutora: Ruth Melo 

18h - Atividade de Bem-estar: Expressão Corporal

Instrutora: Gervania Fraga 

19h – Sessão Parque (45min) 

Websérie Cidade Plástica (PE, 2019, 5’)

Preocupado com futuro do meio ambiente, Leno resolve criar um canal no YouTube para debater de forma consciente o consumo plástico no nosso cotidiano.

Travessia (doc, PE, 2015, cor, HD, 3’15’’), de Jacaré Vídeo

Sinopse: Seu Mita faz diariamente a travessia de barco, do bairro da Torre para a Jaqueira (Recife), e fala sobre a sua relação com o rio e a importância desse serviço, uma tradição familiar quase centenária, hoje cada vez mais rara na cidade 

Uchôa, a Mata Pulsante (PE, 2019, doc, 17’), de Tiago Delácio

Sinopse: O filme revela as características ambientais, econômicas e sociais do Refúgio de Vida Silvestre (RVS) Mata do Uchôa. A partir da mobilização social para preservar essa reserva, o filme acompanha a história de 40 anos de resistência do Movimento em Defesa da Mata Uchôa contra as pressões imobiliárias, as constantes ameaças e as degradações ambientais. 

Fazenda Rosa (PE, 2018, 9’), de Chia Beloto

Sinopse: Sinopse: Erasto Vasconcelos, o poeta da percepção da vida, de como ela é tão bem usada em nosso planeta, faz eco dos bichos do dia e da noite, dos peixes do rio, dos pássaros, dos bichos do mangue, das árvores e suas frutas, do que se planta para comer, das personagens que nos cantam e das cantigas de roda. 

O Malabarista (GO, 2018, 11’), de Iuri Moreno

Sinopse: Documentário em animação sobre o cotidiano dos malabaristas de rua, que colorem a rotina monótona das grandes cidades.

 

31/08 – Cais do Imperador

 

18h30 - Sessão Ambiental: Ecossistemas & Biodiversidade (81min) 

Websérie Cidade Plástica (PE, 2019, 5’)

Preocupado com futuro do meio ambiente, Leno resolve criar um canal no YouTube para debater de forma consciente o consumo plástico no nosso cotidiano. 

 Plantae (RJ, 2017, 10’), de Guilherme Gehr

Sinopse: Ao cortar uma grande árvore no interior da floresta amazônica, um madeireiro contempla uma inesperada reação da natureza. Uma reflexão sobre as consequências irreversíveis do desmatamento e da subjugação dos humanos aos demais seres da Terra. 

 Maré (BA, 2018, doc, 22’), de Amaranta César

Sinopse: O movimento da maré: várias gerações de mulheres quilombolas entre o impulso de partir e a vontade de ficar, entre a incerteza do futuro e a força da ancestralidade.

 Entremáres (PE, 2018, 20’) de Anna Andrade

Sinopse: O documentário Entremarés aborda o cotidiano e o trabalho de mulheres que sobrevivem da atividade de pesca na comunidade da Ilha de Deus, situada no bairro da Imbiribeira, em Recife (PE).

 A menina banda (PE, 2018, fic, 25’), de Breno César

Sinopse: uma menina vira atração na pequena cidade onde mora porque dela se podem ouvir sons.

20h – Caminhada com a EletroBike

Projeto do VJ e DJ Mozart que conta com uma bike adaptada com som e projeção. Sairá do Cais do Imperador em direção ao Marco Zero projetando intervenções ambientais com música.