Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Recife

NOTÍCIAS

Emprego e Qualificação | 12.10.19 - 18h42

Minicursos do programa Chegando Junto já formaram mais de 520 recifenses para trabalhar e empreender

img_alt

Prefeitura do Recife entregou 69 kits com materiais de trabalho e certificados de conclusão para moradores do Ipsep e Entra Apulso (Foto: Inaldo Lins/PCR)

 

Os minicursos de qualificação profissional do programa Chegando Junto, lançado pela Prefeitura do Recife para reduzir a pobreza e a desigualdade social na cidade, já formaram 526 recifenses desde que foram lançados, em julho. Nesta sexta (11), a equipe da Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo (STQE) entregou, na comunidade do Entra Apulso, em Boa Viagem, e no bairro do Ipsep, mais 69 kits com materiais de trabalho e certificados de conclusão nas áreas de manutenção de bicicleta; manicure e pedicure; corte de cabelo masculino; e bijuteria artesanal.

Os próximos minicursos já começam na segunda-feira (14), na Associação de Moradores de UR-7, situada na Rua Roraima, 116, Várzea. As inscrições podem ser feitas no local e há 100 vagas. “A Prefeitura lançou o Chegando Junto para combater a pobreza e estimular a geração de renda nas comunidades. Quem conclui as aulas recebe um kit com os materiais básicos e já pode começar a trabalhar”, afirma o secretário-executivo de Trabalho e Qualificação, Schebna Machado.

Além de aprender uma atividade, os concluintes recebem os equipamentos básicos para começar a trabalhar e empreender na área que estudaram.  Os minicursos acontecem dentro das comunidades e têm 40 horas de aulas teóricas e práticas, com orientações sobre como empreender. Morador do Entra Apulso, o barbeiro José Salvino de Queiroz concluiu o curso de manutenção de bicicleta. “Com o conhecimento básico, já posso consertar as bikes de meus parentes e amigos, o que vai aumentar minha renda. Pretendo agora me aprimorar em outras áreas, como nos cursos profissionalizantes do Qualifica Recife”, disse.

Para participar dos minicursos, que são geridos pela Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo (STQE), é preciso ter mais de 18 anos; ser beneficiário de programas sociais; e morar na região atendida. Os minicursos de qualificação profissional do programa Chegando Junto já aconteceram nas comunidades da Torre, Ilha Santa Terezinha, Sancho, Dois Unidos, Macaxeira, Nova Descoberta, Cohab/Ibura de Cima, Entra Apulso e Ipsep. 

Os alunos que fizeram o curso de manutenção de bicicleta receberam kit com bomba de ar, espátulas para troca de pneu e conjunto de chaves; os profissionais de corte de cabelo estarão prontos para trabalhar, com tesoura, máquina, borrifador, navalha, caixa de lâmina e pente; quem cursou manicure e pedicure ganhará alicate, tesoura de unha, lixa de unha, palito, esmalte, base, afastador de dedo, acetona, toalha e algodão; e quem optou pela área de bijuteria artesanal ganha chita, feltro de duas cores, haste de brincos, argola, alicate de biju, agulhas, linha, tecido juta e cola de silicone.

CHEGANDO JUNTO - O Chegando Junto é um programa municipal de assistência e geração de renda, implantado pelo prefeito Geraldo Julio, com o objetivo de reduzir a pobreza e a desigualdade, que vêm crescendo no Brasil. A iniciativa promove diversas ações divididas nas áreas de assistência à população e apoio à geração de renda.

Além dos minicursos profissionalizantes, já estão em andamento ações como o projeto Renda Por App, que vai sortear, a cada mês, 100 kits contendo uma bicicleta e um smartphone com pacote de dados, possibilitando que os beneficiados prestem serviços para aplicativos de entrega a domicílio; os mutirões de saúde; os Espaços de Convivência Pertencer (que proporcionam locais para as mulheres deixarem seus filhos enquanto trabalham); e as Frentes de Trabalho Miguel Arraes, que ofertam postos de trabalho nas escolas e unidades de saúde municipais.

O Chegando Junto vai lançar, também, o projeto VEM Meu Emprego; construir também três restaurantes populares e um abrigo noturno; o projeto Gera Cidadania vai oferecer oficinas pedagógicas e artísticas para crianças, adolescentes e jovens no contraturno escolar; e será dado auxílio e assistência técnica aos moradores para reformar e construir suas casas, entre outras iniciativas.