Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação

NOTÍCIAS

Desenvolvimento Econômico e Empreendedorismo | 01.12.21 - 17h00

Escritório do Centro inicia atividades com visita aos corredores do comércio e colhe sugestões para revitalizar área central

img_alt

Ana Paula Vilaça assumiu o Escritório de Gestão do Centro nesta quarta (1º), iniciativa que integra o Programa Recentro. Ao lado de vereadores, especialistas e empreendedores, gestora percorreu tradicionais endereços comerciais e reuniu contribuições para desenvolver os bairros de São José e Santo Antônio. (Foto: Inaldo Menezes/PCR)

 

Como forma de retomar a pujante vocação do comércio e de serviços, bem como revitalizar e modernizar espaços públicos com o foco na moradia de longa permanência e a atração de investimentos, a chefe do Escritório de Gestão do Centro do Recife, Ana Paula Vilaça, participou de uma caminhada pelos bairros de São José e Santo Antônio ao lado de vereadores, especialistas, comerciantes, representantes de setores produtivos e empreendedores. No seu primeiro dia à frente da função, Vilaça verificou as condições da área sob o prisma econômico, social, urbanístico e cultural, e colheu sugestões para dar nova vida à área urbana. As contribuições se somarão a outras a partir de uma série de reuniões que a gestora vai promover a partir deste mês, com o objetivo de dar materialidade ao programa Recentro, lançado pelo prefeito João Campos em novembro.

A caminhada partiu da Praça Maciel Pinheiro, no bairro da Boa Vista, local histórico do Recife onde se encontra a antiga casa da escritora Clarice Lispector e próximo ao Teatro do Parque, e seguiu pelas ruas Imperatriz - tradicional corredor de comércio -, Ponte da Boa Vista - um dos cartão-postal da cidade -, emendando com as Ruas Nova e da Palma, e finalizando com visitas aos edifícios Sertã e Douro, exemplos de retrofit com indução para moradia e exploração cultural, no coração do Centro.

“No nosso primeiro dia de trabalho à frente no Escritório de Gestão do Centro do Recife, nada melhor do que iniciar com uma longa caminhada pelos bairros de São José e Santo Antônio ao lado de pessoas que vão contribuir e muito nesse processo de retomada da região”, explicou Ana Paula Vilaça. “Foi bastante significativo e emblemático estar nas ruas, vendo a realidade e contar com sugestões de diversos atores que atuam nos bairros, a exemplo dos comerciantes e empreendedores e também dos vereadores. Pudemos constatar as principais demandas e queixas de quem trabalha na região e vamos verificar como a Prefeitura pode chegar junto, através de seus diversos órgãos e secretarias”, acrescentou.

Entre as contribuições recebidas, está a abertura de novos polos que concentram serviços públicos municipal e estadual, a implantação de QR Codes em pontos históricos na região, a exemplo do casarão que viveu o diplomata Joaquim Nabuco, na esquina das ruas da Imperatriz com a Bulhões Marques, no número 147, e no cruzamento entre as ruas Nova e Matias Albuquerque, onde ocorreu o assassinato de João Pessoa, então presidente da Paraíba, em 1930, que culminou com movimentos políticos que decretou o fim da República Velha e alçou à Presidência da República Getúlio Vargas. Esses equipamentos, de acordo com sugestões, auxiliam para dar visibilidade ao patrimônio histórico que o Recife possui.

Ainda como forma de aquecer a atividade turística na região, foi sugerido estimular o compromisso amoroso laçando fitas ao longo do gradil da Ponte da Boa Vista, a exemplo do que acontece na Ponte "Pont des Arts", em Paris. Os participantes também indicaram a instalação de bicicletários na região, a promoção de estímulos fiscais para atrair cafeterias e restaurantes, bem como promover o ordenamento no comércio informal nas ruas da Palma, Nova e Matias Albuquerque e a instalação de banheiros públicos na Avenida Guararapes. 

Ana Paula Vilaça afirmou que o compromisso do Recentro visa estimular a retomada dos bairros do Recife, São José e Santo Antônio, induzindo a moradia com interesse social, a atração de empreendimentos e negócios para gerar emprego e renda e o estímulo do comércio local, com o retorno do público consumidor na área. “O Recentro é o pontapé inicial para essa série de medidas que estão sendo tomadas pela Prefeitura do Recife,que já vem sendo efetivadas, como a isenção de tributos como IPTU, ISS e ITBI e projetos de intervenção, a exemplo de pedestrianização de ruas e outras ações. A gente quer trazer as pessoas de volta para o centro histórico e vamos ter investimentos públicos e privados para modificar esse cenário”, cravou a chefe do Escritório do Centro do Recife.

A caminhada foi convocada pelos vereadores que compõem a Frente Parlamentar pelo Centro do Recife, presidida pela vereadora Cida Pedrosa (PCdoB). Além dela, também participaram os vereadores Rinaldo Júnior (PSB), Luiz Eustáquio (PSB), Dani Portela (PSOL) e Liana Cirne (PT). A visita reuniu ainda o consultor Francisco Cunha, o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas do Recife (CDL-Recife), Frederico Leal, arquitetos, comerciantes e empresários da região.