Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos

NOTÍCIAS

Desenvolvimento e Empreendedorismo | 21.06.18 - 15h57

Artesãs do Prodarte comercializam produtos juninos no São João do Sítio Trindade

img_alt

Estande funciona até o dia 30, das 17h à meia noite, nas proximidades do palhoção das quadrilhas (Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR)

 

Quem comparecer ao Sítio Trindade para aproveitar a programação do São João poderá, até o dia 30 deste mês, adquirir produtos baratos e de qualidade no estande do Programa de Apoio ao Desenvolvimento do Artesanato do Recife (Prodarte). O espaço fica em frente ao palhoção onde acontece o concurso das quadrilhas juninas e recebe 8 artesãs, que comercializam itens como bolsas, camisas customizadas, roupas juninas, adereços, colares e pulseiras.

O estande funciona das 17h à meia noite. “Tenho blusinhas, tiaras e chapéus que custam entre 15 e 30 reais. O preço é bem acessível para as pessoas poderem comprar. Uso materiais como chita e algodão e faço as peças todos os dias”, diz a artesã Tereza Cristina Pereira dos Santos, com formação em Turismo e Hotelaria.

Por sua vez, dona Fátima Silva apostou no tema “São João na Copa”, vendendo adereços femininos, laçarotes e xuxinhas nas cores verde e amarelo. Há 20 anos no Prodarte, a artesã Edileusa Guilherme da Silva trabalha com acessórios masculinos e femininos. O público pode escolher peças em couro, pedra, miçangas e cristais. “Compro os materiais e faço as peças à mão”, conta.

Vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente, o Prodarte fomenta o artesanato do Recife, por meio do apoio aos artesãos cadastrados, do fortalecimento da geração de renda e da divulgação cultural do município. “Trabalhamos para estimular a geração de renda e a divulgação cultural do município, fomentando a prática do artesanato”, aponta a gestora do programa, Ledjane Sales. A equipe também facilita o acesso dos profissionais a feiras e capacitações.