Secretaria da Mulher do Recife

NOTÍCIAS

Mulher | 21.08.18 - 12h00

Prefeitura do Recife promove evento para celebrar o Dia da Visibilidade Lésbica

Com o tema "amor não é sujeito oculto", a ação traz roda de diálogo, lançamento de quadrinho sobre visibilidade lésbica e apresentações musicais

 

Marcar territórios, abrir caminhos e mostrar a importância da representatividade são alguns dos objetivos da Prefeitura do Recife e do Governo do Estado de Pernambuco na celebração da visibilidade lésbica - comemorado em 29 de agosto. Com o tema "Amor não é sujeito oculto", o evento alusivo à data será nesta sexta-feira (24), na Torre Malakoff, a partir das 17h. Roda de diálogo com Jéssica Tauane, do Canal das Bee, recital  feminista e apresentações musicais marcam o encontro que é aberto ao público. No município, a ação é encabeçada pela Secretaria da Mulher do Recife, Secretaria de Saúde, e pela Gerência de Livre Orientação Sexual da Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Política sobre Drogas e Direitos Humanos. Já no Estado, é a Secretaria da Mulher de Pernambuco e a de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), através da coordenadoria LGBT, da executiva de Segmentos Sociais (SESES) que promovem a atividade.

Às 17h, a mesa de abertura será composta pelos representantes das secretarias envolvidas. Logo após, às 18h, a youtuber Jéssica Tauane (SP), do Canal das Bee, e a ativista Maria das Neves (SP) farão um debate sobre visibilidade lésbica, empoderamento e representatividade. A mediação fica por conta da ativista e apresentadora do Zona Multicor (TVU), Mariana Souza.

No evento, também será divulgado o quadrinho "Amor não é sujeito oculto", um material informativo sobre visibilidade lésbica e combate ao preconceito. A cartilha é dividida em três capítulos: orgulho, direitos e saúde, com informações sobre importância da visibilidade lésbica, combate à violência LBT e importância dos exames de saúde preventivos para evitar as doenças e infecções sexualmente transmissíveis. Os informativos serão distribuídos nos principais bares do Recife, no Rolê da Visibilidade Lésbica. Quem assina as ilustrações são as artistas Joana Liberal, Luiza Morgado e Camila Storck.

A programação musical começa às 20h, com Cibele do Cavaco, Lui Queiroz e Renata Arruda. Às 21h, a poeta Silvana Menezes faz uma récita poética sobre a temática. Além das conversas e dos shows, as secretarias municipais da Mulher, Saúde e Direitos Humanos farão uma feira de serviços mostrando os principais equipamentos voltados para o público LBT e com artesãs mostrando seus produtos. No evento, as mulheres lésbicas com deficiência também farão um painel de intervenções.

 

PROGRAMAÇÃO:

 

Dia 24/08 - Torre Malakoff

17h – Mesa de Abertura – Secretaria da Mulher do Recife, Secretaria da Mulher de Pernambuco, Secretaria de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Política sobre Drogas e Direitos Humanos, Secretaria de Saúde do Recife.


18h -  Roda de dialogo com a Youtuber Jessica Tauane (Canal das Bee - SP) e ativista Maria da Paz (SP).  Mediação de Mariana Souza ( Zona Multicor - PE)


20h -  Cibele do Cavaco

20h30 - Lully Queiroz

21h. - Récita poética com Silvana Menezes

21h15 - Renata Arruda.

 

RODA DE DIÁLOGO:

 

Maria das Neves - Secretaria Geral do  Conselho Nacional de Juventude  (Conjuve), membro da Direção Nacional da UBM, militante da UNALGBT.

Jéssica Tauane - é uma das youtubers do Canal das Bee, canal virtual que tem mais de 300 mil seguidores.  Ela também comanda o canal Gorda de Boa, que criou para compartilhar seu processo de emagrecimento, falar sobre a doença de pele que possui, chamada hidradenite, e sobre bipolaridade. Jessica viaja o Brasil e o mundo apresentando palestras sobre representatividade de gênero. Seus canais abordam assuntos como: comunidade LGBT, gordofobia, empoderamento e emagrecimento. 

Mariana Souza - Integrante da equipe do programa Zona Multicor, da TV Universitária. Construiu a curadoria da segunda edição do FINCAR - Festival Internacional de Realizadoras. Participou do grupo críticos do Janela Internacional de Cinema do Recife em 2017 e compôs a equipe do curta-metragem O Fio. É estudante do curso de Cinema e Audiovisual na UFPE.