Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos

NOTÍCIAS

Direitos Humanos | 22.02.18 - 16h20

Prefeitura do Recife e Senai abrem inscrições em cursos profissionalizantes para ex-usuários de drogas

img_alt

Serviço tem como objetivo a inserção social e produtiva de ex-usuários de drogas através de qualificação (Foto: Daniel Tavares/PCR)

 

A Prefeitura do Recife e o Sistema Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) oferecem 75 vagas de aperfeiçoamento profissional para ex-usuários de drogas. Os cursos de torneiro e fresador mecânico (120 horas/aula), gestão de qualidade (40 horas/aula) e sistemas eletro-hidráulicos (60 horas/aula) serão ministrados na Escola do Senai do bairro de Santo Amaro, no próximo mês, no turno da tarde. As inscrições estão abertas até o preenchimento das vagas.

As aulas são uma das estratégias da Secretaria Executiva de Políticas sobre Drogas do Recife (Sepod), ligada à Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos do Recife, para inserção social e produtiva de ex-usuários de drogas através da elevação de escolaridade, qualificação profissional, encaminhamentos para retirada de documentos básicos e para Agência de Emprego. A ação compõe o Programa Integra Recife, que é a parte de inserção social do Sistema Mais Recife de Políticas sobre Drogas.

Quem tiver interesse em participar das aulas pode ligar para o telefone 3355.8969 ou comparecer, das 8h às 17h, na Sepod, que fica no 6º andar do edifício-sede da Prefeitura do Recife. É preciso levar originais e cópia de identidade, CPF e comprovante de residência na cidade do Recife. Em caso de encerramento das vagas, o público pode deixar o nome na lista de espera para as próximas turmas.

No ano de 2018, já foram oferecidas 150 vagas de cursos de aperfeiçoamento profissional através da parceria entre o Programa Integra Recife e o Senai. Em 2017, foram ofertadas mais de 600 vagas em cursos profissionalizantes e 200 vagas em cursos de aperfeiçoamento profissional no modo presencial, além de mil vagas no modo de Educação a Distância (EAD).