Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Recife

NOTÍCIAS

Emprego e Qualificação | 30.06.20 - 13h36

STQE já beneficiou mais de 6700 recifenses com a entrega de cestas básicas durante a pandemia

img_alt

Grupos que receberam o auxílio incluem cooperativas de reciclagem, artesãos do Prodarte, pequenos empreendedores e associações de economia solidária (Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR)

 

Desde o início da pandemia da covid-19, a Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo da Prefeitura do Recife (STQE) já distribuiu cerca de 1700 cestas básicas para cooperativas de reciclagem, artesãos, pequenos empreendedores e associações de economia solidária, garantindo segurança alimentar para mais de 6700 pessoas. Na tarde desta segunda (29), o trabalho continuou na sede da ONG Coque Connecta, no bairro Ilha Joana Bezerra, onde a equipe da STQE entregou mais 52 cestas.

Para o secretário Antônio Júnior, o apoio dado pela STQE é fundamental para os empreendedores que estão impossibilitados de atuar devido à necessidade de isolamento. “Trabalhamos sempre em parceria com essas entidades e profissionais. Nesse momento difícil para todos, é nosso papel ajudá-los em tudo o que for possível”, afirma. Entre os beneficiados estão empreendedores do Ciclo Junino, as mulheres da cooperativa de reciclagem Palha de Arroz, os feirantes do Programa de Apoio ao Desenvolvimento do Artesanato no Recife (Prodarte), manicures, diaristas, profissionais de lavanderia, serigrafia e costura.

O fundador da ONG Coque Connecta, Marcone Ribeiro, explica que a instituição atua com a educação de jovens e adultos, proporcionando cursos de Inglês gratuitos para 100 pessoas por ano, mas precisou interromper as atividades devido à pandemia. “As cestas serão entregues para nossos alunos. É a terceira campanha que fizemos este ano e o suporte da Prefeitura do Recife é essencial”, ressalta. Marcone participou do programa Ganhe o Mundo, do Governo do Estado, em 2012, e após voltar do Canadá formou-se em Relações Internacionais. “Quero ajudar outras pessoas a terem a mesma oportunidade que eu tive”, acrescenta.

ASSISTÊNCIA – A Prefeitura do Recife desenvolveu várias iniciativas de entrega de alimentos à população no contexto do isolamento social. Já foram distribuídas mais de 390 mil cestas básicas para pais e alunos da rede municipal de ensino, cerca de 120 mil para famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e outras 105 mil pela Rede Solidariedade, além de 141 mil quentinhas via restaurante popular.